Clássico e atemporal: animal print

Solte suas feras e se jogue no animal print, que é um clássico da moda há muito tempo e voltou como tendência absoluta em 2019.  Nas passarelas do NYFW, a estampa apareceu até na coleção do próximo verão e promete ser tendência nas outras estações do ano. Mas, de onde vem esse fascínio da moda por uma estampa que imita peles de animais?

Alguns psicólogos explicam que a atração que temos com a estampa está relacionada aos primórdios da humanidade, onde se usava pele de animais como proteção. Após algum tempo, ela começou a ser usada pela monarquia como forma de representar poder e status.

Aos poucos, começou-se a fazer padronagens que lembravam os animais e as peles foram deixadas de lado. Foi assim que surgiu o “animal print”, uma das estampas mais lembradas pelos fashionistas. Até hoje. Desde sempre.

Atravessando diversas barreiras, o animal print é prova de que um print pode ser clássico, atemporal, moderno e – por que não? – flexível: pode vestir todas as mulheres. Aqui, na Vestido de Chita, a estampa de oncinha, uma das variações do padrão animal, dá vida ao Vestido Jeiza, que tem golas estilosas e maxi zíper, que serve para alongar a silhueta, aprofundar o decote e ajudar na hora da amamentação. O comprimento é um pouco acima do joelho, o que deixa a peça mais elegante. O tecido é o bengaline, que tem bastante elastano e garante o ajuste perfeito no corpo e o tamanho vai de P até o GG.

Nós estamos in love com essa novidade, afinal, ela está a nosso redor tanto tempo, que é quase impossível dizer que haja mulher que nunca tenha usado um print assim.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *